Conservatório UFMG recebe exposição Portinari e Drummond: releituras de Cervantes

Compartilhe

Divulgação CEDECOM/UFMGOrganizada pela Diretoria de Ação Cultural da UFMG (DAC), a exposição D. Quixote – Portinari e Drummond: releituras de Cervantes será aberta, para visitação, a partir das 10 horas desta segunda-feira, dia 17 de julho, no Espaço Expositivo do Conservatório UFMG. A mostra integra a programação da SBPC Cultura, que acontece dentro da 69ª Reunião Anual da SBPC, realizada pela UFMG, de 16 a 22 de julho de 2017. O Conservatório UFMG fica na Av. Afonso Pena, 1534, no centro de Belo Horizonte.

Além de compor a programação cultural da 69ª Reunião Anual da SBPC, a exposição também faz parte das comemorações dos 90 anos da UFMG e poderá ser visitada gratuitamente de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h, até o dia 20 de setembro de 2017. A exposição está aberta à visita de escolas, devendo ser agendada pelo telefone (31) 3409-8300.

Segundo Fabrício Fernandino, professor do departamento de Artes Plásticas da Escola de Belas Artes da UFMG e curador da exposição, em 2016, ano em que se comemorou os 400 anos da morte do escritor espanhol Miguel de Cervantes, a Universidade Federal de Minas Gerais recebeu a doação de um exemplar da publicação Cervantes, Portinari - Don Quixote – Drummond. Um exemplar especial número XII – Assinada por Carlos Drummond de Andrade. Nesta publicação estão reproduzidos 21 desenhos de Cândido Portinari e 21 glosas de Carlos Drummond de Andrade, a partir de uma releitura e interpretação da obra D. Quixote de Cervantes.

Os desenhos de Portinari, feitos a lápis de cor, foram realizados em um período marcante de sua vida: o artista, em fase terminal, conserva a liberdade de uma criança e a força de um gênio. Já as glosas de Drummond refletem o sentimento único do poeta, um misto de emoção e poesia. Lado a lado interpretam a faceta quixotesca de uma realidade ficcional, magistralmente escrita por Cervantes.

A mostra é uma oportunidade para homenagear Cervantes, expondo um valioso acervo de publicações raras sobre sua obra prima, O engenhoso fidalgo Dom Quixote de La Mancha, pertencente à coleção de obras raras da UFMG. Também serão expostas outras representações artísticas sobre o tema, como uma projeção da coleção de gravuras completas de Gustave Doré e esculturas do professor da UFMG e escultor José Amâncio de Carvalho.

Serviço:

  • Exposição D. Quixote – Portinari e Dummond: releituras de Cervantes
  • Período: 17 de julho a 20 de setembro de 2017
  • Visitação: de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h
  • Local: Espaço Expositivo do Conservatório UFMG - Av. Afonso Pena, 1534 – Centro, BH/MG