FAPEMIG participa da Finit 2017

Compartilhe

Começou a Finit 2017 – Feira Internacional de Negócios, Inovação e Tecnologia, considerada a maior do gênero na América Latina. O evento, promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes), tem a parceria da FAPEMIG. Até o dia 4 de novembro, a Feira vai reunir renomados profissionais da área da inovação e tecnologia em mais de 70 palestras diárias que, somadas, ultrapassarão 500 horas de conteúdo. A programação inclui atividades gratuitas e para todas as idades.

A solenidade de abertura aconteceu nesta terça (31), e marcou também a abertura da 16ª Conferência de Inovação da Anpei. Na ocasião, o titular da Sedectes Miguel Corrêa destacou a importância de reunir os principais eventos do país no setor em um mesmo local - além da Conferência da Anpei, diversas outras ações estão programadas para acontecer ao longo da Finit, como o 100 Open Startups e a Campus Party MG.

A Feira é dividida em quatro grandes áreas. Na arena de negócios acontecem atividades voltadas para empresas, startups e investidores. Diálogos, networking e palestras com grandes atores do ecossistema da inovação e tecnologia fazem parte da programação. A arena criativa é o espaço dedicado à criatividade e à cultura maker, com atrações para diversos tipos de público, desde crianças até adultos.

 

O estande da FAPEMIG está na arena experience, espaço dentro da Finit dedicado a instituições e projetos de CT&I (foto: Carol Ferreira)

A arena experience traz estandes de instituições ligadas à CT&I, como a FAPEMIG. Além de apresentar os programas da instituição e atender ao público, a equipe trouxe para a Finit o jogo de realidade virtual “Uma aventura no Rio Doce”, que busca divulgar as ações da Fundação em prol da recuperação do rio. Finalmente, a Campus Party MG irá receber cerca de 4 mil campuseiros para mais de 250 horas de atividades.

Lugar certo para inovar
Neste primeiro dia, o presidente da FAPEMIG, Evaldo Vilela, participou do painel “Por que Minas é o lugar certo para inovar”. Ele dividiu o palco com o secretário da Sedectes, Miguel Corrêa, e o presidente do Centro de Inovação e Tecnologia (CIT) do Senai, José Policarpo Gonçalves de Abreu. Os palestrantes destacaram o ecossistema de inovação favorável encontrado em Minas Gerais, com destaque para a participação do governo como indutor do processo. Para Evaldo Vilela, para manter esse crescimento, é necessário investir na manutenção da articulação entre os atores, com uma inteligência que vise ao futuro. “Temos que pensar os desafios de amanhã e buscar as soluções hoje”, conclui.

Para consultar a programação da Finit 2017 acesse: http://finitmg.com.br

 

 

 

Vanessa Fagundes