Pesquisadores levam ciência aos bares de BH

Compartilhe



O festival internacional Pint of Science aconteceu simultaneamente em sete cidades brasileiras e em outros 11 países, nos dias 23, 24 e 25 de maio. Pela primeira vez em Minas Gerais, o evento mostrou que qualquer lugar pode ser espaço para falar de ciência. Em Belo Horizonte, o Itatiaia Rádio Bar, a Cantina do Lucas e a Cafeteria do MM Gerdau, foram palco para um debate descontraído com pesquisadores mineiros.

No total, mais de 1500 pessoas participaram de paineis com pesquisadores que discutiram genética, transgênicos, nanotecnologia, cultura maker, robótica, novos modelos de ensino, doenças da modernidade, empreendedorismo, dengue, zica e chicungunya. A iniciativa fez parte das comemorações dos 30 anos da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG) e foi realizada em parceria com a Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia e Ensino Superior (Sectes).

Ficou curioso sobre essa dose de ciência nos bares? Confira a cobertura jornalística realizada durante o evento na capital mundial dos botecos. O projeto de divulgação científica da FAPEMIG Minas Faz Ciência registrou o Pint Of Science através do Snapchat, Periscope, Twitter e Facebook. A FAPEMIG fez um álbum com as melhores fotos do evento. O Portal SIMI e a Sectes realizaram uma cobertura especial do brinde à ciência e à FAPEMIG.

 

Notícias relacionadas

TV Globo: Projeto inglês ciência nos abres é realizado em Belo Horizonte

Diário do Comércio: Pint of Science leva pesquisadores para bares de Belo Horizonte

O Tempo: Aceitação do público prova que ciência pode ser assunto de bar

Hoje em Dia: Evento inusitado leva cientistas aos botecos de BH para bate-papo rápido e informal




 

Roberta Nunes