DataViva auxilia empreendedores na abertura de novos negócios

Compartilhe



DataViva

Em tempos de crise, muitos brasileiros, desempregados ou em busca de uma renda extra, buscam no empreendedorismo uma alternativa para melhorarem a situação financeira. A famosa máxima de empreender por necessidade. De acordo com uma pesquisa realizada pela Monitor Global de Empreendedorismo, a taxa de empreendedores no Brasil pulou de 29% para 44% em 2015.

O estudo também mostrou que os novos negócios abertos por causa de uma “oportunidade", caiu de 71% para 56% entre 2014 e 2015. O indicador dos movidos por necessidade saltou quase 50%. No entanto, abrir um negócio não é nada fácil e tem suas particularidades, principalmente, para quem ainda não tem experiência.

Por isso, especialistas no assunto recomendam que antes de se aventurar como empresário, é necessário que a pessoa tenha conhecimento, pesquise bem o ramo de negócio que deseja entrar. Esse estudo se torna essencial para que a nova empresa não entre na estatística das que fecham as portas. De acordo com estudo divulgado pela Pesquisa Mensal do Comércio, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apenas em 2015, 191 mil empresas fecharam as portas no Brasil.

No entanto, uma dúvida que acerca os novos empreendedores é justamente saber qual seria o ramo de atuação? Como saber se determinado segmento está em declínio ou em franca expansão? Uma ferramenta que pode ajudar o empresário nesse momento inicial é o DataViva (www.dataviva.info). A plataforma desenvolvida pelo Governo de Minas Gerais, juntamente com a Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais (Fapemig), possibilita uma pesquisa que mostra a evolução ou não de diversos setores da economia brasileira, divididos por cada cidade.

Se o empreendedor quer saber como anda o ramo de restaurantes em Belo Horizonte, por exemplo, a ferramenta disponibiliza vários dados. Quantos empregos geram, o tipo de profissional necessário para o setor, a importância do segmento economicamente para o município, sua evolução ano a ano, dentre várias outras informações e cruzamentos de dados

Segundo Thiago Borges, coordenador do DataViva, a plataforma totalmente gratuita busca auxiliar as pessoas em uma mudança básica: tomar decisões baseadas em dados e não apenas no "eu acho". Para ele, empreender não é uma tarefa fácil no Brasil, por isso, ter uma análise de mercado é fundamental para o sucesso das iniciativas empreendedoras. “O DataViva é uma plataforma que agrega valor a informações que já estavam disponíveis, mas que são pouco utilizadas pelos cidadãos pela dificuldade em processar

Para o empreendedor Tomás Duarte, CEO da empresa de tecnologia Tracksale, a plataforma do DataViva possibilidade com que o empreendedor faça um planejamento estratégico para saber o mercado que vai atuar. Segundo ele, a ferramenta permite uma série de informações úteis com base em dados que ajudam o empreendedor a entender os cenários mais aderentes do mercado. “Identificamos, por exemplo, a evolução de fabricantes de bens de consumo, o quanto estavam crescendo e gerando receita. Decidimos atacar esse mercado, pois poderia ser útil para gente, trazendo rentabilidade para a empresa”, lembra Duarte.

Segundo o CEO da Tracksale, a interface gratuita e de fácil navegabilidade, possibilita uma pesquisa mais apurada fazendo com que os novos empreendedores possam converter uma oportunidade em negócio. “Hoje informação é tudo. E quem quer empreender precisa estar atento no andamento do ramo e do mercado que deseja prosseguir”, recomenda.