MÉTODO E SONDA DE ASPIRAÇÃO ENDOBRONQUIAL DE SECREÇÕES

IDENTIFICADOR: 457 | DATA: 19-08-2021
2857

SETOR ECONÔMICO:

Equipamentos Laboratoriais e Hospitalares


SOLUÇÃO APRESENTADA:

Desenvolvimento de técnica para aspiração de secreções provenientes do trato respiratório inferior e de uma sonda para aspiração destes fluidos em pacientes com doenças que afetam o trato respiratório, incluindo a COVID-19, tendo como pontos anatômicos de referência, os brônquios principais direito e esquerdo. A sonda e o método de aspiração endobronquial permitem a maior eficiência na aspiração de secreções. Além do mais, o procedimento de aspiração gera menos aerossol no ambiente hospitalar, o que reduz o risco de contaminação.


PRINCIPAIS VANTAGENS E BENEFÍCIOS:

Aumento da eficiência do procedimento de aspiração;

Permite uma aspiração seletiva para cada brônquio-fonte, possibilitando definir se a aspiração será realizada unilateral ou bilateralmente;

Redução do Risco de Contaminação no Ambiente Hospitalar, devido a diminuição na geração de aerossol;


ESTÁGIO DE DESENVOLVIMENTO:

Avançado.


NÚMERO DO PROCESSO DO INPI:

PI 0903266-5


TITULARES:

Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG


INFORMAÇÕES PARA CONTATO:

Núcleo de Inovação Tecnológica da UFMG: transferencia@ctit.ufmg.br


LINKS ÚTEIS:

Acesse o registro do programa de computador na íntegra aqui.

ctit.ufmg.br/vitrine-tecnologica/metodo-e-sonda-de-aspiracao-endobronquial-de-secrecoes-em-pacientes-com-covid-19/