COMPLEXOS DE INCLUSÃO COM 17-ALFA- METILTESTOSTERONA PARA REVERSÃO SEXUAL DE PEIXES GONOCÓRICOS INDIFERENCIADOS

IDENTIFICADOR: 350 | DATA: 22-07-2021
2354
SETOR ECONÔMICO:
Agronegócio


PROBLEMA QUE SOLUCIONA:

A 17 a-metiltestosterona é o andrógeno sintético mais largamente empregado na aquicultura de peixes gonocóricos indiferenciados. A associação deste hormônio à ciclodextrina para utilização na reversão sexual de peixes gonocóricos indiferenciados não é relatada na literatura, configurando assim um produto inédito para aplicação.


SOLUÇÃO APRESENTADA:

A presente invenção trata-se de uma nanotecnologia, formação dos complexos de inclusão entre a {3-ciclodextrina e a 17a - metiltestosterona, para utilização na reversão sexual de peixes gonocóricos indiferenciados. A complexação do hormônio com a ciclodextrina foi comprovada por ensaios físico-químicos e espectroscópico.


VANTAGENS E BENEFÍCIOS:

Testes in vitro mostraram uma liberação mais lenta para o hormônio complexado do que o livre, caracterizando-se assim um novo produto, passível de comercialização e aplicação.


POTENCIAIS E PLICAÇÕES:

A utilização do hormônio complexado em ciclodextrina, em substituição ao seu uso na forma livre, apresenta forte potencial para ser empregado para reversão sexual na aquicultura.


ESTÁGIO DE DESENVOLVIMENTO:

Patente concedida.


TITULARES:

UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS - UFLA

FAPEMIG DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE MINAS GERAIS - FAPEMIG

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS - UFSCAR

NÚMERO DO PROCESSO DO INPI:

BR 10 2014 026277 6


INFORMAÇÕES PARA CONTATO:

nintec@ufla.br


LINKS ÚTEIS:

Acesse o pedido de patente na íntegra aqui.